cmrmc

cmrmc

sábado, 28 de agosto de 2010

Show "Paulinho Trompete e quarteto Durval Ferreira"


Paulinho Trompete e quarteto Durval Ferreira
Dia 03 - sexta-feira - 19h  
O bom gosto e a paixão pela Música sempre estiveram presentes na talentosa carreira de Paulinho Trompete. Paulinho tocou nos melhores clubes e teatros da Europa. Em New York, seu amigo Thad Jones, o elegeu como o sucessor de Lee Morgan. Retornando ao Brasil, Paulinho Trompete volta a fazer parte dos melhores trabalhos musicais. Gravou com Leny Andrade como arranjador e solista, com Alcione, Emílio Santiago, João Nogueira, Azymuth, Chico Buarque e outros. Com Gilberto Gil e Gal Gosta fez várias excursões pela Europa e Japão. Acaba de gravar um tributo a Durval Ferreira, chamado Tema Feliz, pelo selo Guanabara com a Banda Sambop, ganhando novamente por este mais novo trabalho, 5 estrelas e destaque no Segundo Caderno do Jornal O Globo (maio/2009) e neste ano de 2010 recebeu a notícia que este trabalho concorreu com os mais diversos músicos da Europa e EUA, ganhando assim, como melhor cd latino de 2009 pela revista JAZZIZ de 2009, uma das mais conceituadas do país. Participou também do April Jazz Festival 2008 Lituania, com Leny Andrade e sua Banda Sambop, no qual, foram vencedores do Festival!

Show de Rogério Caetano


Rogério Caetano
Dia 4 - Sábado - 19h
Rogério Caetano é considerado pelos críticos, músicos e pelo público um virtuose do violão de 7 cordas, por ter desenvolvido uma nova escola desse instrumento. Trilhando seu caminho musical desde os 6 anos de idade, tendo o choro e o samba como suas principais referências, já alcançou lugar de destaque ao lado dos grandes do violão brasileiro.
Em seu novo trabalho, intitulado “Rogério Caetano”(Fubá Music, 2009), pré – indicado ao Grammy Latino 2009 como melhor disco instrumental, Rogério sola composições próprias ao violão de sete cordas de nylon. Este novo álbum vem recebendo ótimas críticas por todo Brasil. Possui, ainda, dois CD´S gravados: “Abre Alas” (Caravelas, 2001), com o grupo Brasília Brasil e “Pintando o Sete” (Rob Digital, 2006), indicado ao Prêmio TIM de Música Brasileira. Possui também trabalhos em duo com Yamandú Costa, Marco Pereira, Leandro Braga e Luís Barcelos.

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Show de Karla Sabah


Karla Sabah 

Dias 27 e 28 - Sexta e sábado - 19h
Show “Cala a boca e me beija” 
Além da maturidade da voz mezzo soprano, um dos mais sensíveis impactos do novo álbum de Karla Sabah, CALA A BOCA E ME BEIJA, é a sonoridade elegante, sem exageros nem redundâncias, que embala as canções selecionadas. Dois PHDs tiraram da multimídia de seus HDs o que havia de melhor para assinarem a produção da maioria das faixas: o maestro Julinho Teixeira e o criativo William Magalhães. O resultado é um trabalho que tem tudo para repercutir além de nossas fronteiras e fazer bonito em qualquer lugar do mundo. Ao dispor desta retaguarda de luxo, Karla pode experimentar e atualizar um rico ambiente de referências musicais brasileiras que vai da Banda Veneno aos Beatles; do samba-funk à Jovem Guarda, da tribo pop à Turma da Pilantragem.

sábado, 14 de agosto de 2010

Show de Dóris Monteiro



 Dóris Monteiro
Dias 20 e 21 - Sexta e Sábado - 19h

Dóris Monteiro é uma intérprete especial da nossa música. Com 56 anos de carreira, e 74 de vida, Dóris Monteiro é uma de nossas cantoras mais queridas e respeitadas pelo grande público.
Na fase de ouro do rádio, Dóris foi (junto com Dalva de Oliveira e Ângela Maria) da época do rádio, a intérprete que colecionou mais sucessos. Em 1953, convidada por Alex Viany, estrelou o filme Agulha no palheiro, cantando a música do mesmo nome e sendo premiada por sua atuação como atriz."Dó Ré Mi", "Mocinho Bonito", "O que eu gosto em você", "Mudando de conversa", "Apelo", "Palhaçada", dentre tantas outras, são canções que não podem faltar em seus shows, juntamente com clássicos da MPB: “Ronda”, “Caminhemos”, “Conversa de Botequim”, “Banca do distinto”.
Dóris,que possui mais de 30 discos gravados ao longo de sua carreira, já se apresentou em diversos Países, dentre eles: Japão, Portugal, Uruguay, Chile...
A Bossa Nova aceitou-a de braços abertos e as demais tendências que passaram pela MPB não abalaram sua brilhante trajetória musical, que segue um único objetivo: A fidelidade ao que de melhor existe no cancioneiro Brasileiro.


sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Show com o vocal Nós quatro

Nós quatro

Dias 13 e 14 - Sexta e sábado - 19h

O grupo Nós quatro tem, isoladamente, longa trajetória profissional. 
O que reuniu o time foi a paixão comum por grupos vocais, uma vertente tradicional da Música Brasileira.
Eles começaram “brincando” de vocalisar suas músicas prediletas, e acabaram convidados pela gravadora Biscoito Fino para registrar nosso trabalho.
Assim surgiu o CD de estréia – Nós Quatro – uma viagem pela MPB, com arranjos especiais para composições de Lenine, Tom Jobim, Djavan, Guinga, Luiz Gonzaga, João Gilberto e Milton Nascimento.Por conta da qualidade deste trabalho, fforam classificados para o mais importante prêmio da MPB, o Prêmio Visa – Edição vocal – com cerca de 2.800 concorrentes.
Foram o único grupo vocal a chegar à final, da qual participaram apenas cinco artistas.
O grupo é formado por Célia Vaz, Fabyola Sendino, Márcio Lott e Clarisse Grova.